1428 5 sentidos bebe entrevista

Foto: Acervo da Pastoral da Criança

Nós usamos todos os nossos cinco sentidos todos os dias. Sentimos cheiros, vemos coisas, abraçamos pessoas, comemos coisas gostosas. Para uma pessoa adulta é algo normal, automático e estimulado constantemente. Para o bebê e a criança, a descoberta dos cinco sentidos é nova todos os dias e deve ser estimulada e provocada para que ela consiga se desenvolver cada vez mais. Para conversar sobre isso, convidamos Irmã Veroni Medeiros, Educadora e Assistente Técnica de Desenvolvimento Infantil da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança.

Irmã Veroni, o que são e quais são os cinco sentidos?

São as primeiras percepções que o bebê desenvolve ainda no ventre materno, para mais tarde entender tudo que acontece ao seu redor.

Os sentidos são como janelinhas através das quais o bebê olha, escuta, cheira, sente o sabor e toca o mundo e são eles o tato, a visão, o paladar, a audição e o olfato.

veroni medeiros

Irmã Veroni Medeiros

Quando começam a se desenvolver os sentidos na vida do bebê?

O desenvolvimento começa durante a gestação. O útero materno é rico em sons, vibrações e emoções transmitidas pela mãe e o bebê sente o toque, os odores, os sabores e, mais tarde, percebe a luz. O bebê é sensível ao toque em todo o corpo, por isso é tão importante a gestante fazer massagens na barriga, cantar, conversar e rezar com o bebê.

Como os cinco sentidos ajudam no crescimento do bebê?

Os cinco sentidos são importantes no desenvolvimento humano, pois eles proporcionam uma grande variedade de sensações que são percebidas ao longo de nossa vida. São Tomás de Aquino era um grande estudioso e dizia que nada está na inteligência sem que tenha passado pelos cinco sentidos.

Para os bebês e as crianças, o conhecimento do próprio corpo e das suas potencialidades é uma fase fundamental no processo de crescimento, uma descoberta que pode ser acompanhada pelos pais e pelos professores e deve ser estimulada através das oportunidades de afeto, atenção e brincadeiras, que vão favorecer o desenvolvimento integral das crianças.

Por que é importante estimular a percepção da criança desde o ventre materno?

Quando os bebês são bem estimulados desde o ventre materno, eles sentem mais segurança, se sentem amados e confiantes. A criança precisa saber que ela é muito querida e amada por seus pais. Um bebê com boa percepção reconhece a voz da mãe, assim como o sabor dos alimentos e os diferentes cheiros, e mais tarde os sons.

Essa percepção estimulada oferece um sentido importante de familiaridade e de segurança, pilares essenciais para a sua vida no mundo.

Leia a entrevista na íntegra: 1428 - Os cinco sentidos da criança (.PDF)

Esta entrevista é parte do Programa de Rádio Viva a Vida da Pastoral da Criança.
Ouça o programa de 15 minutos na íntegra

1428 - Os cinco sentidos da criança - 11/02/2019