dicas para pressao alta 2HappyO excesso de sódio, ingrediente presente no sal de cozinha, é um fator que pode levar uma pessoa a desenvolver a pressão alta (hipertensão arterial), problemas renais e problemas de coração (como arritmia e infarto).

Dicas:

 • Faça o seu prato colocando primeiro a salada, incluindo frutas, vegetais e grãos integrais, se possível. O organismo precisa mais de potássio do que de sódio e muitas frutas e legumes são ricos em potássio;

• Evite o macarrão instantâneo de pacotinho, que vem junto com o tempero, pois tem muito sódio. Prefira o macarrão comum;

• Salames, mortadelas, salsichas e presuntos têm muita concentração de sódio. Substitua por queijo branco e frango grelhado nos seus sanduíches;

• Congelados também têm muito sal, que atua como conservante. Prefira comidas feitas na hora;

• Refrigerantes, mesmo sendo doces, contêm altas doses de sódio em sua composição. Substitua por sucos;

• O shoyu tradicional tem muito sódio. As versões light apresentam uma redução de mais ou menos 25% na quantidade de sódio. Outra opção é trocar por suco de limão, ou ainda, fazer um molho com limão, mostarda, cebola e azeite;

• Para temperar a salada, coloque: azeite, limão, vinagre e outros temperos, como ervas, orégano, manjericão, coentro, salsinha e cebolinha. Não coloque o sal, pois estes temperos já vão dar um sabor agradável a sua salada;

• Evite as sopas industrializadas, pois também são itens com muito sódio. Experimente preparar, você mesmo, sopas e caldos em casa, começando por receitas simples;

• Evite enlatados e biscoitos industrializados: todos tem sódio;

• Prefira gorduras e óleos de origem vegetal, como o azeite extra virgem, óleo de canola, girassol ou soja;

• Quando comprar um produto, leia a parte nutricional do rótulo. Procure aqueles com até 300 mg de sódio por porção, ou não mais do que um miligrama de sódio para cada caloria do alimento;

• Se houver possibilidade, substituir os pães brancos por integrais;

• Retire o sal da comida que você faz em casa. Pare de adicionar sal aos seus alimentos, a não ser quando absolutamente necessário. Corte pela metade as quantidades de sal sugeridas por receitas e continue cortando. Se possível, adicione o sal perto do final do processo de preparo ou logo antes de comer. Não adicione sal à água fervente. Desse jeito, apenas um pouco de sal irá satisfazê-lo, visto que há menos tempo para ele penetrar na comida.

• Segundo a Organização Mundial da Saúde, é recomendado o consumo diário de até 5 gramas de sal. Contudo, a maioria dos brasileiros ingere até 12 gramas por dia. Por isso, fique atento!

 


Mais recentes - Gestação