Este é um caso que podemos ter uma sensação de incapacidade de lidar com a situação, e a preocupação acerca das necessidades que normalmente têm para cuidar do bebê.

Esta criança precisa de uma presença serena, disponível e sincera na afetividade. Ela vai precisar também de fatores físicos como leite, cuidados de higiene, vacinas e consultas. O aconselhamento profissional pode ajudar muito a família neste momento, de como fazer para amamentar, cuidar com higiene e a saúde da criança, também esta família terá que se apoiar para cuidar da melhor forma deste bebê.

A morte de um ente querido nos primeiros meses é muito difícil, mais faz bem falar sobre isto, abrir­-se com alguém de confiança, ajuda no entendimento e na aceitação, pois a criança precisa agora dos cuidados e falar sobre o que passou vai ajudar.

Todos da família tem um papel importante para criar este bebê, mas o pai, agora mais que nunca, tem que criar um laço com o seu filho ainda maior. Pois este laço vai impulsionar o desenvolvimento do bebê ao proporcionar segurança e autoestima. Este processo vai ocorrer naturalmente em sua rotina diária.

Algumas dicas para este processo:

  • Segure o bebê próximo da sua pele para criar laços mais fortes.
  • Faça massagens nele. Massagem pode ajudar o bebê a relaxar e adormecer.
  • Comunique­-se com o bebê. Ele pode não saber do que você está dizendo, mas isso não quer dizer que ele não goste de ouvir o som de sua voz.
  • Carregue o bebê. Ele se sentirá mais seguro.

 

 

Mais recentes - Criança