Uma das coisas que os líderes da Pastoral da Criança aprendem, quando fazem a capacitação do Guia do Líder, é pesar as crianças todo o mês e colocá-las na curva do Peso/Idade. Essa é uma ferramenta que até hoje nos auxiliou muito para ver se as crianças acompanhadas estão desnutridas. O projeto da Vigilância Nutricional, que está sendo levado para alguns setores nesse ano de 2013, surgiu para melhorar esse acompanhamento feito e atuar na prevenção precoce não só da desnutrição, mas também do sobrepeso e obesidade infantil.

Nos dias de hoje, o método recomendado pela Organização Mundial da Saúde é o IMC (índice de massa corporal) que é o resultado do peso da pessoa dividido por sua altura ao quadrado. A principal inovação que o método do IMC traz é a introdução da altura, a qual medimos com a utilização de um instrumento chamado estadiômetro.

Outra mudança é que a cada 3 meses, no Dia da Celebração da Vida, uma equipe de Ramo visitará a comunidade para ajudar as medições de peso e altura das crianças, um voluntário da informática digitará as informações no computador, o qual calculará o IMC na hora e indicará uma cartela de orientação para ser entregue aos pais ou responsáveis.

O líder terá a importante missão de ler a cartela com o reponsável e orientar as famílias sobre alimentação saudável, estímulo à prática de atividade física (brincadeiras) e acompanhamento com a Unidade Básica de Saúde, de acordo com o diagnóstico nutricional de cada criança (desnutrição, padrão, sobrepeso ou obesidade).

Marcia Moscatelli de Almeida
Nutricionista da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança

 

 

Mais recentes - Criança