aleitamento 7A Organização Mundial da Saúde (OMS) reconhece que os líderes religiosos e as organizações baseadas na fé, como é o caso da Pastoral da Criança, podem desempenhar um papel importante em salvar vidas e reduzir doenças relacionadas a COVID-19. Salienta que eles são a principal fonte de apoio, conforto, orientação e assistência para seus membros. Cita também que os membros podem confiar mais nas informações repassadas pelos líderes e organizações religiosas do que em outras fontes, como governos e agências de saúde e reforça que eles podem compartilhar informações de saúde para ajudar na proteção dentro e fora de suas comunidades.

Leia mais...

Explique que a Páscoa é a festa da ressurreição, é a festa da vida! 
Vida que Deus quer para todas as pessoas e para a criação. 
E ter vida significa dizer não às drogas e à violência; significa ter alimento, saúde, proteção, respeito e amor para todos.

Peça para a criança falar também qual é o sentido da vida para ela.
Será um momento muito bonito de afetividade em família.

O vídeo a seguir pode ajudar: 

Especialmente nesses tempos diferentes, devemos explicar para as crianças que Igreja somos nós!

Na certeza de que Deus caminha conosco enfrentemos com paz e paciência esse tempo de tribulação, na convivência amorosa com os familiares.
Que as Celebrações da Paixão e Ressurreição de Jesus Cristo nos renove e dê alento ao coração.

Sigamos unidos e rezemos com o Papa Francisco.

À vossa proteção imploramos ó Maria
À vossa proteção recorremos, Santa Mãe de Deus.
Não desprezeis as nossas súplicas em nossas necessidades;
mas livrai-nos sempre de todos os perigos,
ó Virgem gloriosa e bendita. Amém!”

Boa Semana Santa!

Sabemos que o foco da nossa missão são as crianças e as gestantes, mas neste momento de intensas mudanças na sociedade, devemos também dar atenção a um grupo que está sofrendo bastante o isolamento: os idosos.

Muitos se encontram sozinhos em casa, sem poder sair e conversar com as pessoas. Nesse momento a solidariedade de toda a comunidade pode ajudar:

  • Procure saber quais idosos da comunidade precisam de ajuda, como fazer compras de comida ou remédio e veja quem pode ajudá-los. Os jovens podem ser grandes colaboradores neste momento.
  • Oriente as famílias para falar com os idosos que conhece que é preciso evitar sair nas ruas, ir nos comércios, lugares fechados e aglomerações.
  • Fale também que os idosos podem (até devem) sair para tomar sol no quintal. Tomar sol pela janela aberta também é bom (o sol quando filtrado pelo vidro não produz o efeito na nossa pele que produz a vitamina D).
  • Oriente também que os idosos devem ficar, no mínimo, 2 metros de distância de qualquer pessoa, mas isso não deve impedir a interação entre eles.
  • É possível bater um papo, escutar música, comer juntos, sempre respeitando a distância de 2 metros e as recomendações de higiene. Importante lembrar que pessoas com sintomas de gripe não devem ter contato com idosos.

 

Nossos queridos velhinhos, mesmo em casa, as vezes esquecem de manter os 2 metros de distância * e acabam indo cumprimentar seus vizinhos e amigos, não lembrando  da distância segura.

Uma ideia que poderá ajudar é a família colocar uma fita de demarcação (igual as que estão sendo usadas nas farmácias) - ou uma cordinha, barbante - para delimitar até onde é seguro ir, sem se aproximar demais de onde outras pessoas caminham. Coloque a fita 2 metros antes da rua ou calçada.

Com isso, o idoso se sentirá seguro e poderá aproveitar o sol, a vizinhança e, principalmente, o calor do sorriso tão necessário às nossas vidas.

* não apenas os velhinhos que esquecem da distância segura ...

 

Estas são algumas dicas para ajudar diminuir a solidão dos idosos e aumentar a solidariedade e a união de toda a comunidade.

O Ressuscitado continua entre nós!

correio feliz pascoaA alegria de Jesus continuar conosco está mais forte que nunca!

Que tal essa oração muito simples junto com as crianças?

Jesus está na minha frente, Jesus está ao meu lado, Jesus está dentro de mim, e nunca vai se separar.
Cf. Oração de São Patrício, o Apóstolo da Irlanda

E depois vem a hora do brincar!

Abaixo duas sugestões de brincadeiras divertidas para adultos e crianças brincarem.

Brincadeira o leão e o coelhinho

Como brincar:

O grupo escolhe duas crianças: uma para ser o leão e outra o coelhinho.
As outras pessoas vão fazer uma roda dentro da qual ficarão o leão e o coelhinho, que fica de olhos cobertos.
A um sinal, o leão ruge e o coelhinho tenta pegá-lo.
Quando conseguir, o coelhinho será o leão e escolhe o próximo coelhinho.

Peteca

Material:

  • meia ou jornal e
  • saco plástico ou pedaço de pano;
  • umas três penas;
  • pedaço de papelão;
  • serragem ou areia;
  • barbante.

Como fazer:

Se a peteca for de meia, cortar logo abaixo do calcanhar;
se for de jornal, juntar uns três pedaços de jornal e um de plástico de mais ou menos 22 x 22 cm de lado;
se for de pano, juntar uns dois pedaços também de 22 x 22 cm de cada lado.

Recortar um círculo no papelão de 6 cm e colocar no fundo do pé da meia ou no centro do quadrado de jornal e plástico (que fica por fora) ou do pano.
Encher com serragem ou areia e espetar as penas.
Amarrar bem com o barbante em torno das penas.

Se você gostou, compartilhe esta mensagem com as famílias acompanhadas.

"Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam;
pois o Reino dos céus pertence aos que são semelhantes a elas"
Mateus 19:14

Feliz Páscoa!