Dra. Zilda

"O que as crianças têm de tão especial? Quando as crianças são bem cuidadas e amadas, desde a concepção, com boa assistência médica durante a gestação e o parto, amamentadas com o leite sagrado de suas mamães; quando elas brincam e as suas famílias e a comunidade dão valor aos brinquedos e brincadeiras; quando todos os dias a família se reúne por alguns momentos, reza e canta com elas; as crianças vão “crescendo em tamanho, sabedoria e graça (Lc. 2,52)”. Não é assim?"

Papa Francisco

“Jesus não é somente um amigo. É um mestre de verdade e de vida, que revela o caminho para alcançar a felicidade.”

A Pastoral da Criança sempre valorizou as brincadeiras livres das crianças. Mais que uma diversão, é um direito de todas as crianças, em diversas faixas etárias. Além da motivação para que aconteça a ação "Brinquedos e Brincadeiras" nas comunidades, uma das ações que vem crescendo são as "Ruas do Brincar", que preparam um espaço seguro para que as crianças possam brincar juntas e livremente.

Em Curitiba, os voluntários da Pastoral da Criança do bairro Vila Oficinas em Curitiba, no Setor Norte, vêm desde 2013 realizando periodicamente essa atividade. A proposta do evento é ampliar as atividades da Ação "Brinquedos e Brincadeiras", criando mais uma oportunidade de interação entre crianças, pais e outros familiares das comunidades acompanhadas como também, de toda a vizinhança.

Brincadeira de rua

Com autorização da Prefeitura de Curitiba e colaboração dos moradores da Rua Raul de Oliveira, o quarteirão foi fechado no período da manhã para garantir espaço livre e seguro para as brincadeiras das crianças. A coordenadora do Setor Norte, Fátima Conceição R. Dumas, contou com o apoio de coordenadoras e líderes de paróquias, brinquedistas, brincadores e voluntários para organizar e desenvolver as brincadeiras que buscaram, principalmente, envolver as crianças e seus pais.

"A partir desta experiência queremos estimular e motivar todos os nossas paróquias para organizarem eventos dessa natureza em suas comunidades". Além das brincadeiras, já oferecidas nas reuniões mensais de Celebração da Vida, com os encontros do "Brincar na Rua", queremos mostrar aos pais a importância de brincar com os seus filhos, relembrando os jogos e brincadeiras da infância e, também, buscar mais voluntários para estas atividades", observou a coordenadora Fátima Dumas.

Leide Maria Moreira, mãe do Vitor Antonio, de quatro anos, recebeu o convite do evento para levá-lo no dia da "Rua do Brincar" ao buscá-lo na creche do bairro. Levou o filho para brincar e disse que foi muito importante: "Durante a semana, fico em casa o dia inteiro e é bom sair da rotina, ter um lazer saudável com meu filho".

Veja outras atividades de Brinquedos e Brincadeiras:
Rua do Brincar na paróquia Santo Antonio - Mulungu (PB), Diocese de Guarabira
Encontro de incentivo à leitura infantil, em Alagoas
Oficina de Brinquedos e Brincadeiras em Cristalândia (TO)

Leia também:
Brincar é fundamental para a saúde da criança
A importância do brincar
Sugestões de brincadeiras