Educação ambiental entra na pauta do Amigos da Escola e, pela primeira vez, o assunto mobiliza os quatro Dias Temáticos de 2009 – 03 de abril, 05 de junho, 28 de agosto, e 23 de outubro – nas escolas públicas de todo o Brasil. Nas quatro edições serão propostos debates e uma série de atividades sobre esta questão de grande relevância que vem sendo discutida mundialmente e pode ser assimilada através de pequenas práticas do dia-a-dia, tais como o consumo consciente, a reutilização, redução e a reciclagem (3 Rs). Estas ações realizadas nas escolas ajudam a promover a participação dos pais na educação dos filhos, além de valorizar o papel da educação.

Leia mais...

 

 

Os 10% mais ricos concentram 75% da riqueza do país. Para agravar ainda mais o quadro da desigualdade brasileira, os pobres pagam mais impostos que os ricos

 

Segundo levantamento feito pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), apresentado em 15/5 ao CDES (Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social) reunido em Brasília, os 10% mais pobres do país comprometem 33% de seus rendimentos em impostos, enquanto que os 10% mais ricos pagam 23% em impostos.

Leia mais...

Bebês com tendência a infecções no ouvido devem evitar chupeta, sugere pesquisa realizada na Holanda

Em um estudo de cinco anos com 476 crianças holandesas com menos de quatro anos de idade --216 usuárias de chupeta--, os cientistas constataram que o risco da reincidência de infecções no ouvido aumentou em 90% entre os que tinham o hábito de chupar a chupeta.

Leia mais...

 



As propagandas predominantes são as de alimentos com alto teor de gorduras, sal e açúcar

Resultados preliminares de pesquisa financiada pelo Ministério da Saúde e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ), na qual foram analisadas 4.108 horas de televisão, num total de 128.525 peças publicitárias, mostrou que o tipo de propaganda mais freqüente de alimento é o fast-food (18%). Em seguida, aparecem as de guloseimas e sorvetes (17,%), refrigerantes e sucos artificiais (14%), salgadinhos de pacote (13,%) e biscoitos doces e bolos (10%). Esses cinco grupos representam 72% do total de anúncios de alimentos veiculados na televisão.

Leia mais...