Captura de Tela 2018 04 16 as 16.17.29A Pastoral da Criança recebeu na tarde desta quinta-feira (22) a visita de Vittorio Scelzo, representante do mais novo discatério do Vaticano para os leigos, famílias e a vida, que tem como foco o cuidado com as crianças e os idosos.

O representante que soube do trabalho criado pelo Dra. Zilda Arns Neumann por meio de um cardeal em Roma, veio ao Brasil a convite da Pastoral da Pessoa Idosa e aproveitou para conhecer a sede da nacional da Pastoral da Criança. Acompanhado da Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança, Irmã Veneranda Alencar e do Coordenador Internacional da Pastoral da Criança, Nelson Arns Neumann, Vittorio também visitou o Museu da Vida, aprofundando seus conhecimentos sobre os primeiros mil dias de vida.

Encantado com a Pastoral da Criança, Vittorio elogiou a organização e o trabalho dos voluntários, que dedicam seu tempo para ajudar os que mais precisam: “Eu vim a Curitiba para conhecer mais do trabalho realizado pela Dra. Zilda Arns Neumann, um trabalho muito inspirador que busca defender aqueles que mais precisam. Essa é uma maneira de nós, como cristãos, defendermos a vida”, conta o representante do Vaticano.

“Os leigos têm de sair ao encontro dos mais debilitados, dos mais pobres e dos mais necessitados. A Igreja em saída é um hospital de campo, como diz o Papa Francisco, é uma forma de cuidar e de levar a misericórdia de Jesus aos que mais precisam, ensinando e falando sobre Cristo. Acredito que quando os voluntários da Pastoral da Criança e da Pastoral da Pessoa Idosa, vão as mães, as crianças, as famílias e aos idosos, eles também ensinam que Jesus os ama. Eu penso que vocês fazem um trabalho realmente grandioso e por isso, digo para continuarem levando a misericórdia de Jesus a todos, pois essa é a nossa missão. Jesus ama os necessitados, eles são o nosso tesouro e nós, devemos ajudar”, conclui Vittorio Scelzo.



Cadastre seu e-mail para receber nossas novidades

E-mail:*