líder voluntário fazendo visita as familias 
Visita domiciliar em Colares (PA)

Acompanhar crianças, desde o ventre materno até os seis anos, é uma maneira de multiplicar saúde, nutrição, educação e cidadania – construindo a base para um mundo mais saudável, justo e fraterno. Por isso, a visita domiciliar é considerada a principal atividade do líder da Pastoral da Criança, que realiza este trabalho voluntariamente.

A visita é o contato mais próximo entre o líder e a família. Na visita é possível conversar sem pressa com a gestante, conhecê-la melhor, saber de seus medos e expectativas, se seus familiares a apoiam, o que ela já tem de conhecimento sobre a maternidade e o que ainda precisa de orientação. A conversa com os pais, avós ou outras pessoas que sejam “cuidadoras” das crianças revela o modo de criação, o tipo de alimentação, que direitos e deveres a família conhece, entre outros assuntos que vão surgindo com o passar do tempo. E da observação e da interação com a própria criança, vêm as informações sobre o jeito de ser, linguagem, movimentação, relação com quem está ao redor, os indicadores de oportunidades e conquistas, etc. Dessa forma, a cada mês, o voluntário e a família também fortalecem laços de confiança e amizade.

App Visita Domiciliar

Com a proposta de auxiliar o líder durante a visita domiciliar, a Coordenação Nacional da Pastoral da Criança começou a desenvolver um novo projeto: o App Visita Domiciliar. Trata-se de um aplicativo baseado nas perguntas do Caderno do Líder, que poderá ser usado em celulares e tablets.

aplicativo caderno do lider

O App Visita Domiciliar permitirá cadastrar cada criança ou gestante acompanhada e apresentará orientações do Guia do Líder específicas para a faixa etária ou semana de gestação. Por meio de suas atualizações, ajudará o líder a acompanhar as principais mudanças em nosso país e levar as mais novas informações para as famílias. Por exemplo: alterações no calendário nacional de vacinas.

Caso o líder prefira utilizar o aplicativo, não será mais necessário preencher o Caderno do Líder impresso – o que ajuda a economizar papel e combustível do transporte deste material da Coordenação Nacional até as comunidades, além de preservar o meio ambiente. Mas, essa mudança não será obrigatória e acontecerá aos poucos.

Esta inovação está sendo desenvolvida por meio da parceria entre os departamentos de comunicação, tecnologia da informação e técnico. Desde novembro de 2016, o aplicativo vem sendo testado e aprimorado, inclusive com sugestões dos próprios voluntários. Está disponível para uso em celulares e tablets com Android igual ou superior ao 5.1, basta baixar no Google Play.

Saiba mais: Política de privacidade dos aplicativos e sites da Pastoral da Criança

Nas telas deste aplicativo, também estarão presentes os personagens Zildinha e Paulinho, que representam os milhares de voluntários que formam a grande família da Pastoral da Criança. Seus nomes fazem homenagem àqueles que deram o pontapé inicial para esta caminhada em busca de vida plena para todas as crianças: Dra. Zilda Arns Neumann e seu irmão, Dom Paulo Evaristo Arns.

Inovação na prática

Os aplicativos para celular vêm ganhando espaço e destaque na sociedade atual, tanto no contexto social, quanto no educativo. O formato facilita e reduz o tempo de execução de uma ação e comporta todas as informações de um material impresso, como o Caderno do Líder, permitindo que o conteúdo seja acessado pelos usuários em diversos aparelhos, como: computadores, celulares, laptops e tablets.

Com a sincronização de dados, o App Visita Domiciliar garantirá a preservação das informações, ajudará a Coordenação Nacional da Pastoral da Criança a entender melhor a situação das crianças e também fará o resumo dos atendimentos automaticamente.

A implantação do App Visita Domiciliar está prevista para ocorrer no segundo semestre de 2017.

Perguntas Frequentes

O Caderno do Líder impresso vai acabar?

R: Não. O uso do App Visita Domiciliar é opcional. Quem preferir pode continuar utilizando o Caderno do Líder impresso.

 Consigo usar o App Visita Domiciliar sem conexão com a internet?

R: Sim. O App Visita Domiciliar funciona sem internet (offline). A conexão com a internet somente será necessária para baixar o aplicativo e para a sincronização dos dados.

Por que preciso sincronizar os dados?

R: Ao sincronizar você terá uma cópia dos dados de suas crianças e gestantes guardadas na Coordenação Nacional. Por exemplo: se você trocar de celular, receberá todas as informações no novo aparelho após a instalação do aplicativo. Os dados que você coletou também ajudarão a Coordenação Nacional a refletir sobre o acompanhamento das crianças.

Já posso acessar o App Visita Domiciliar pelo computador?

R: Não. A primeira versão do aplicativo está disponível apenas para dispositivos móveis (celulares e tablets).

Alguns líderes da comunidade podem usar o App Visita Domiciliar e outros o caderno impresso?

Sim. Os líderes da comunidade poderão optar pelo uso do aplicativo ou pelo Caderno do Líder impresso.

Se todos os líderes da comunidade escolherem utilizar o aplicativo, será necessário preencher a FABS?

Sim. Como a implementação do aplicativo ocorrerá aos poucos, será necessário continuar preenchendo e enviando as FABS para a Coordenação Nacional.

A FABS deixará de existir?

R: Não. Por enquanto nada mudará em relação a FABS. 
Se no futuro os líderes e coordenadores se sentirem seguros e escolherem utilizar somente o aplicativo, os dados sincronizados serão suficientes para alimentar o Sistema de Informações da Pastoral da Criança e não será mais necessário preencher a FABS manualmente.

Como será a Reunião para Reflexão e Avaliação quando todos os líderes utilizarem o App Visita Domiciliar?

R: Os líderes que utilizam o aplicativo não precisarão se preocupar em preencher a 4ª parte do Caderno do Líder, uma vez que o App Visita Domiciliar torna esse processo automático. Somente será necessário, passar o resultado gerado no aplicativo para a FABS. Lembrando que o envio para a Coordenação Nacional deverá ocorrer como de costume.

Como será a Reunião para Reflexão e Avaliação quando alguns líderes usarem o App Visita Domiciliar e outros o Caderno do Líder impresso?

R: Neste caso, aqueles que utilizam o Caderno do Líder impresso deverão preencher a 4ª parte do caderno antes da reunião. Já os que tem o aplicativo não precisarão se preocupar, uma vez que o App Visita Domiciliar torna esse processo automático.

Ambos deverão preencher a FABS e enviar para a Coordenação Nacional como de costume.