1354 comunicacao do bebe entrevista

Foto: Acervo da Pastoral da Criança

O bebê recém-nascido ainda não sabe falar. Mas, como ela vai dizer para a sua mãe ou pai que está com fome, que precisa ser troca, está cansado, com cólica, sede, frio ou calor, que se sente só ou que é um dentinho está começando a nascer? A resposta é simples: ele chora.

Nos primeiros meses de vida, o choro é a única forma dos bebês comunicarem suas necessidades. O que desespera os pais de primeira viagem, que não conseguem interpretar o significado de cada choro e dar uma resposta adequada às necessidades da criança.

Mas, à medida que vão crescendo, os bebês aprendem novas formas de se comunicar e os pais, começam a distinguir cada tipo de choro.

Para nos ajudar a interpretar o choro do bebê, conversamos com Regina Reinaldin, enfermeira que trabalha na Coordenação Nacional da Pastoral da Criança.

regina-reinaldin-enfermeira-da-pastoral-da-crianca

 Regina Reinaldin - Enfermeira da Pastoral da Criança

Regina, qual é o significado do choro para o bebê?

O choro, para o bebê, é a única forma de se expressar e de se comunicar nos primeiros meses de vida. Com o choro, o bebê pede alguma coisa. Mas, não quer dizer que ele sempre sofre ou que tem uma doença.

Como podemos identificar se é um choro por causa de arroto e o que devemos fazer nesse caso?

Se o  bebê já terminou de mamar e chora logo depois, significa que tem uma bolha de ar que fica presa em seu estômago. É importante para o bebê arrotar, porque ele engole esse ar enquanto mama. Espere que o bebê solte, naturalmente, o seio e coloque-o para arrotar: o apoie verticalmente em seu ombro, na sua frente, encostando a barriguinha dele na sua ou sentado, dê tapinhas leves, mas firmes, nas costas.

Como acalmar o bebê que chora de dor por causa das vacinas?

A gente pode imaginar a dor que o bebê sente durante a vacinação. Amamentar durante a vacinação vai ajudar a reduzir a dor, também coloque o bebê sentado, pois, a maior parte das vacinas é aplicada no músculo e quando a musculatura está tensa, a dor é maior. O sono também ajuda o bebê a se recuperar mais rapidamente da dor.

Regina, quais são as orientações da Pastoral da Criança sobre o choro das crianças?

Mamãe e papai, nossa orientação quando o bebê chora é identificar o porquê. Ao ser atendido, o bebê aprende que alguém cuida dele e isso dá segurança aos pequenos. Aos poucos, os pais aprendem a identificar as necessidades do bebê e, assim, podem ajudá-lo a se desenvolver.

Leia a entrevista na íntegra: 1354 - Entrevista com Regina Reinaldin - Comunicação do bebê (.PDF)