O PRIMEIRO MÊS DE VIDA

Mamãe e papai! Choro quando quero colo, quando tenho fome, dor, frio ou porque estou molhado. Esse é o meu jeito de dizer o que sinto. Aos poucos vocês vão entendendo melhor o que eu preciso!

Mamãe e Papai! Que seu lar possa dar a essa criança o amor e a felicidade que ela merece!

A presença e a ajuda do companheiro e das pessoas da família são muito importantes para a sua tranquilidade e a do bebê.

O pai não pode dar o peito, mas pode dar apoio para você, dando banho, trazendo o bebê para mamar, pegando no colo para arrotar, para fazer dormir, ajudando a
arrumar a casa...

Procure descansar nos horários em que o bebê dorme, para poder dar a atenção que ele precisa quando acorda para mamar.

Pegar o bebê no colo quando ele chora não o acostuma mal. Para ele, isso é sinal do amor e da atenção dos pais e faz com que ele se sinta mais seguro.

A melhor posição para o bebê dormir é de barriga para cima e com a cabeça um pouco mais alta. Assim ele respira melhor e não tem perigo se vomitar.

É bom para o bebê tomar um pouco de sol todos os dias, antes das 9 horas da manhã ou depois das 4 horas da tarde. Nesses horários o sol é fonte de saúde.

Lembre de ir à consulta de revisão do parto. Leve o bebê para tomar a vacina BCG, contra Tuberculose, se ainda não tiver tomado. Ele precisa tomar:

Com um mês e quinze dias de  idade, o bebê precisa tomar a primeira dose da vacina:

• contra a diarreia por rotavirus;

Aos dois meses de idade, o bebê precisa tomar a primeira dose das vacinas:

• contra a paralisia infantil;

• contra bactérias tipo pneumococo, que causam doenças graves como meningite, pneumonia, otite média aguda, sinusite e bacteremia;

• vacina pentavalente, é uma composição combinada contra: tétano, hepatite B, coqueluche (tosse comprida), difteria e meningite (causada pelo Haemophilus influenza tipo B)

 

Você está aqui:
Você está aqui: