PARANÁ NO AR (PR) • REPORTAGEM • 19/1/2010 • 07:00:00 • RECORD

 

 



Muita gente ainda está visitando o túmulo da fundadora da Pastoral da Criança, Zilda Arns, no Cemitério Água Verde, em Curitiba. Um dos pedidos da família, era de que as pessoas fizessem doações em dinheiro, ao invés de enviarem coroas de flores. Com isso, a Pastoral recebeu mais de R$70 mil. As coroas que foram mandadas ainda estão sob o túmulo. A morte de Zilda Arns comoveu todo o país. Caravanas vieram a Curitiba para o velório. Autoridades compareceram. Quem não pode acompanhar o enterro foi nesta segunda-feira prestar uma homenagem silenciosa.

Repórter: Kátia Scanferla