E agora vamos brincar?

Você, brinquedista, depois de ter conhecido os objetivos e qual seria seu compromisso com a Ação Brinquedos e Brincadeiras”, participa da capacitação. Em seguida vai começar a desenvolver, na comunidade, seu trabalho.

Sua atuação como brinquedista se dará através de atividades variadas como:

      • preparação e orientação de brincadores para organizarem espaço e facilitarem as brincadeiras das crianças no Dia da Celebração da Vida;

      • observação, no mínimo, uma vez a cada trimestre, da atuação dos brincadores no Dia da Celebração da Vida em cada comunidade pela qual é responsável;

      • organização de espaços limpos e seguros na comunidade para as crianças brincarem juntas ao ar livre e, sempre que possível, em interação com a natureza: as “Ruas do Brincar”;

      • realização de oficinas para construção e reparo de brinquedos, com a participação das famílias, dos líderes, dos brincadores e da comunidade em geral;

      • defesa da criação de espaços na comunidade para as brincadeiras das crianças como praças e parques.

Seu compromisso será preparar e orientar brincadores da comunidade onde você mora e de outras próximas a ela; organizar “Ruas do Brincar” e oficinas de confecção e reparo de brinquedos, participar do Dia da Celebração da Vida para acompanhar a atuação dos brincadores; participar de Reuniões para Reflexão e Avaliação do Ramo ou de comunidade a fim de avaliar e planejar a Ação Brinquedos e Brincadeiras.

Para tornar os momentos de encontro com as crianças mais interessantes e animados, trazendo oportunidades variadas para brincar, você deve organizar ou orientar os brincadores para organizarem um conjunto de brinquedos e livros para os Cantinhos do Brincar. Na capacitação e no livro são apresentadas várias sugestões. A escolha deles foi feita para atender às necessidades do brincar da criança até os seis anos: brinquedos para o faz de conta; blocos de construção; bola, corda; livros e lápis.

Você está aqui: