ead topo

As pessoas da família falam e conversam com a criança? 

Na fase de um ano a um ano e cinco meses a criança está cada vez mais interessada em conhecer tudo o que vê: objetos, plantas, animais. Gosta que as pessoas mostrem e falem com ela sobre as coisas que vê e pega. Ela se interessa, também, por desenhos ou fotos em revistas e livros. Falar o nome do que ela está vendo, animá-la a repetir e conversar com ela sobre as atividades do dia a dia ajudam a criança a aprender a falar.

Ela já pode falar algumas palavras como: mamãe, água, bola. Mas ainda usa gestos para se comunicar: joga beijinhos, balança a cabeça para dizer “não”. Para aprender a falar, a criança precisa que as pessoas falem com ela. Gosta também quando a família fala com ela pedindo ajuda. Por exemplo: “Pega o sapato do papai embaixo da cama”. Dessa maneira, ela vai aprendendo as noções de lugar: embaixo, em cima, perto, longe.

A criança entende quando as pessoas pedem alguma coisa para ela?

A criança pode entender algumas ordens como: “Vamos para a rua?”, “Pega seu sapato”. Não é sempre que ela atende às ordens que recebe. Geralmente só obedece quando se interessa por fazer o que lhe é pedido.

A criança mostra o que quer e o que não quer fazer. Quando não pode fazer uma coisa, algumas vezes, faz birra (revolta), ou seja, pode chorar, gritar, bater os pés, se atirar no chão. Ficar falando “não”, meter medo ou bater não evita a birra. Líder, oriente os pais que o melhor a fazer é esperar a birra passar, não dar atenção à criança enquanto ela faz birra e manter firmeza quanto à proibição feita. Vendo que não consegue, a criança acaba desistindo e começa a fazer outra coisa.

Na brincadeira com caixas, latas, tigelas ou vasilhas, a criança aprende a usar melhor as mãos. Quando tira e põe uma coisa dentro da outra, está aprendendo também noções de tamanho. A família pode aproveitar esse interesse em tirar e colocar para ensinar à criança como guardar seus brinquedos num saco ou caixa.

A criança gosta de entrar e sair de caixas, bacias e armários abertos. Ela está aprendendo sobre tamanhos, formas e controlando cada vez mais seus movimentos.

A criança está aprendendo a andar sem a ajuda de outra pessoa. Isso é uma grande conquista!

Apesar de cair algumas vezes, vai continuar tentando porque tem vontade de aprender e fazer muitas coisas. Com a ajuda da família, vai se sentir segura e andar cada vez melhor no ambiente ao seu redor. Como pode andar pela casa toda e é muito curiosa, mexe em tudo o que consegue pegar. Se a criança cair e se machucar, é bom fazer compressa de gelo ou água fria para diminuir a dor e o inchaço.

 
Acidentes domésticos
 
 

A família precisa ter muito cuidado com a segurança da criança, mantendo portas fechadas, janelas protegidas, vasilhas com água, poços e buracos cobertos, remédios e produtos de limpeza guardados onde ela não possa alcançar. É preciso cuidado também para que ela não pegue e ponha na boca plantas tóxicas, porque podem envenená-la.

 

Você está aqui: