tema semanal

direitos da gestante e da criança entrevista

 

Lutar pela saúde é dever de todos nós!

Qualquer cidadão e cidadã pode contribuir para a efetivação das políticas públicas de saúde, principalmente conhecendo os seus direitos e também os seus deveres.

Um exemplo prático são as vacinas. É dever do Estado garantir que tenha vacina disponível nas Unidades de Saúde, mas é também dever dos pais e responsáveis levar a criança para ser vacinada. Receber a vacina é também um direito da criança, pois ela previne doenças prevalentes na infância e até mesmo a morte.

Nesse tema semanal você poderá ler e ouvir uma entrevista com Maria das Graças Silva Gervásio, Assistente Social da equipe técnica da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança

É só clicar aqui.

Boa leitura!

 

direitos da gestante e da criança entrevista

 

Direito à saúde é para todos

A Pastoral da Criança tem sempre contribuído para efetivar as políticas de saúde, seja participando do controle social, através dos conselhos de saúde em todos os níveis representando os usuários, seja fazendo valer um dos princípios do SUS que é a participação da comunidade.

Inclusive, conforme consta no texto das orientações para implementação da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde da Criança do Ministério da Saúde, sua elaboração é fruto do pleito de entidades da sociedade e militantes dos direitos da criança, dentre elas, a Pastoral da Criança.

Contamos ainda com a pessoa do articulador junto aos conselhos de saúde, que tem a missão de fazer a ponte entre a comunidade e o conselho de saúde, principalmente visando melhoria da qualidade dos serviços de saúde na comunidade. Juntos somos sempre mais fortes, por isso devemos continuar lutando para que todas as nossas crianças, gestantes e famílias tenham Vida e Vida em Abundância!

Nesse tema semanal você poderá ler e ouvir uma entrevista com Maria das Graças Silva Gervásio, Assistente Social da equipe técnica da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança

É só clicar aqui.

Boa leitura!

 

direitos da gestante e da criança entrevista

 

Direito à saúde é para todos

A saúde é direito de todos. Embora esta frase seja clara, é necessário sempre reafirmar, porque garante o princípio da universalidade de acesso, onde todo cidadão tem esse direito pelo simples fato de ser humano, não importando sexo, idade, crença religiosa etc.

Além disso, como a saúde é reconhecida como um direito fundamental, alguém deve ter a responsabilidade de constituir as condições concretas para a sua efetivação e essa responsabilidade primeira e máxima é do Estado, mas todos devemos fazer nossa parte.

Segundo Ir. Veneranda Alencar, Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança, “todos temos direitos e deveres. Quase sempre nós queremos os direitos, mas nunca queremos os deveres. Por isso, temos que cobrar nossos direitos, mas nunca esquecer de cumprir nossos deveres”.

Nesse tema semanal você poderá ler e ouvir uma entrevista com Maria das Graças Silva Gervásio, Assistente Social da equipe técnica da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança

É só clicar aqui.

Boa leitura!

Lutar por nossos direitos e cumprir nossos deveres

Garantir que todas as crianças e gestantes tenham vida plena é a prioridade da Pastoral da Criança, pois cuidar da gestante e da criança é responsabilidade de cada um de nós. Elas devem ser amadas e cuidadas integralmente.

Os líderes sempre conversam com as famílias sobre a importância de amar, cuidar e proteger nossas crianças para que elas vivam e cresçam com saúde e sejam respeitadas em um ambiente de paz.

Os líderes também apoiam as gestantes na luta por seus direitos e são presença ativa e solidária quando estes não são respeitados. A Pastoral da Criança é uma voz que se faz ouvir quando algo vai contra o respeito aos direitos da gestante e das crianças.

Que continuemos sempre juntos, cumprindo nossos deveres e lutando pelos direitos: nossos, das crianças, gestantes e das famílias acompanhadas!

Um abraço carinhoso em cada um e cada uma!

Irmã Veneranda da Silva Alencar
Irmãs Missionárias de Santa Teresinha (IMST)
Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança

Nesse tema semanal você poderá ler e ouvir uma entrevista com Maria das Graças Silva Gervásio, Assistente Social da equipe técnica da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança

É só clicar aqui.

Boa leitura!

Direitos da gestante e da criança

dia das maes dia de celebrar

Segundo o Artigo 196 da Constituição Federal, “a saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação”.

Na área da saúde são vários os profissionais necessários para garantir uma ação multidisciplinar e atendimento integral ao usuário. Nesta semana, estamos comemorando o dia de dois profissionais: o enfermeiro e o assistente social.

O Assistente Social tem o compromisso de formular estratégias que busquem reforçar ou criar experiências nos serviços de saúde que efetivem o direito social à saúde. Para o enfermeiro, as atribuições são ainda mais abrangentes, porque vão desde realizar cuidados diretos de enfermagem nas urgências e emergências clínicas até criar estratégias e ações humanizadas de prevenção.

Nesse tema semanal você poderá ler e ouvir uma entrevista com Maria das Graças Silva Gervásio, Assistente Social da equipe técnica da Coordenação Nacional da Pastoral da Criança

É só clicar aqui.

Boa leitura!