Recomendação aos pediatras - Sociedade Brasileira de Pediatria

Bebês devem dormir de barriga para cima

Estudos mostram que o simples fato de colocar o bebê em posição correta para dormir pode reduzir em até 70% o risco de morte súbita.

A Pastoral da Criança realizou o lançamento oficial, no dia 22 de junho de 2009, da campanha nacional de orientação sobre a posição correta para os bebês dormirem. O lançamento foi realizado na sede nacional da Pastoral da Criança, na cidade de Curitiba, com a presença de Dra. Zilda Arns Neumann, Fundadora da Pastoral da Criança, Dr. Aristides Schier da Cruz, representante da Sociedade Brasileira de Pediatria, Dra. Zuleica Portela representando o Ministério da Saúde, Sr. Silvio Kaloustian, Gestor de Programas do Unicef, Sra. Ana Gabriela Simões Borges, representando o Criança Esperança, Dr. Miguel Ibraim Abboud Hanna Sobrinho, presidente do Conselho Regional de Medicina do Paraná, Dr. Luis Eugênio Miranda, Presidente do Conselho Regional de Enfermagem do Paraná e Dr. Roberto Issler, representando a Sociedade de Pediatria do Rio Grande do Sul.

Só o simples fato de colocar o bebê para dormir de barriga para cima pode reduzir em mais de 70% o risco de morte súbita, revelam os pesquisadores do Centro de Pesquisas Epidemiológicas da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e campanhas recentes divulgadas nos Estados Unidos e na Inglaterra.

Pesquisa realizada na cidade de Pelotas (RS) e coordenada pelo Dr. Cesar Victora, doutor em Epidemiologia pela London School of Hygiene and Tropical Medicine e pesquisador da UFPel e coordenador do Comitê de Mortalidade infantil da cidade de Pelotas desde o ano de 2006, mostram que apenas 21% dos bebês menores de 3 meses de idade dormem de barriga para cima e que essa posição é pouco utilizada pelas mães brasileiras.

Segundo Victora, a informação de que ao dormir de barriga para cima o bebê vai aspirar o vômito e se afogar não passa de uma crença popular incorreta. Ao deitar de lado ou com a barriga para baixo o bebê respira um ar viciado, ou seja, o ar que ele próprio expira. "Uma criança maior ou um adulto acordariam ou trocariam de posição para evitar o sufocamento, mas em alguns bebês a parte do cérebro que controla este reflexo não está desenvolvida. Por isso, ele acaba morrendo por asfixia", afirma o Dr. Cesar Victora.

Os riscos de dormir de barriga para baixo são semelhantes a dormir de lado. Essa posição é instável e muitos bebês rolam e ficam de barriga para baixo. Se uma criança está deitada de barriga para cima e se afoga, sua tendência, por instinto, é tossir e com isso chamar a atenção dos pais. No caso da morte súbita, essa reação não acontece e a morte se dá de forma "silenciosa". O Dr. Cesar Victora é enfático em responder a quem usa o argumento de que a criança, dormindo de barriga para cima, pode vomitar e se afogar com o vômito: "é melhor engasgar do que morrer".

Mais informações:

Assessoria de Imprensa da Pastoral da Criança

(41) 2105-0239

(41) 2105-0244

(41) 2105-0225

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Bebês devem dormir de barriga para cima

Estudos mostram que essa é a forma mais segura de colocar o bebê para dormir. Tire suas dúvidas sobre o assunto:

1. O que é morte súbita infantil (MSI)?

É a morte inexplicável e repentina de um bebê, diagnosticada por exclusão: quando não se acham outras causas que podem explicar o óbito da criança. Também é conhecida como "morte do berço", pois acontece enquanto o bebê está cochilando ou dormindo. A morte súbita é uma das maiores causas de mortes entre bebês de até um ano de idade. Ocorre mais frequentemente nos primeiros meses de vida, em geral na época de inverno.

Leia mais...